02 julho 2012

Boa altura para fechar

Terminou o Europeu, começa hoje a nova época para o FC Porto e muitas equipas, a esta hora (9h) prestes a entrarem em campo para as apresentações da praxe que por sinal o FC Porto ignora olimpicamente, tal como esconde novos jogadores que pouco espaço merecerem por não serem mostrados condignamente. Uma passagem que serve para me despedir, estou cansado, sem grande motivação apesar de gostar de escrever mas nem sempre poder. A pressão de fazê-lo diariamente, até aqui, fazendo amiúde por antecipação e por causa de ausências repetidas, não poderia acompanhar-me, mais um ano, durante o Verão, as férias, muitas ocasiões sem estar por perto e, para mais, numa altura do ano que nunca gostei: a silly season que, mesmo sem motivação da Selecção nos intervalos dos jogos, já vinha preenchendo os pasquins - e inclusive já alimentou alguns blogues (troca Miguel Lopes-Adrien) que desconsideram os pasquins mas dão-lhes crédito para poderem repisar as notícias (falsas) sem darem sequer a sua opinião, acompanhando o declínio dos blogues o do descrédito da Imprensa em que muitos se fiam e cujos números de vendas vão prenunciando fim de títulos em barda!

Deixo o símbolo do Bi, que nem sequer sei pôr aí na coluna da direita por me falharem os artefactos técnicos que o Zirtaev há muito deixou de providenciar (agradeço a oferta de ajuda do Jorge, que conheço tão bem quanto conheci o Zirtaev, sem caras nem sequer vozes ao telefone), para que cheguemos ao tri. Por isso deixo também desactualizada a coluna dos penáltis com a última época, mas essa é também uma das coisas copiadas deste blog, inclusive por jornais nacionais, sem a referência devida.
É evidente que estamos em vias de provavelmente descer de divisão porque, como se sabe, os rivais venderam ou muito bem e estão cheios de pasta ou compraram de forma a assustar a concorrência. Não teremos mais portugueses no onze portista (não acredito em Castro) e o esgotado Projecto 611 morreu sem deixar rasto mas com RIP! Veja-se, quanto às promessas na nova época, como o Sporting pretende comprar "cirurgicamente" (uau, que novidade e exclusividade!) e o Benfica já tem um plantel invejável.
Fica, também, a imagem que servirá para casas de apostas vaticinarem quando a promessa se cumprirá. Uma "ameaça" ou já um "desafio" esse título que, quiçá, poderá ter a ver, tal a coincidência, com a nomeação de Pedro Proença para a final do Europeu, depois da final da Champions, tendo sido o alvo preferencial benfiquista que se sabe, por tabela desde a cabeçada no início da época no Colombo, por feitio desde o jogo da Luz que serviu para agitar o fantasma da arbitragem, esquecida na inenarrável tarefa do bruto do Caixão em Barcelos, na única derrota portista em dois anos de campeonato e na vigarice e pisadela da verdade desportiva do bruto da Esteva em Paços de Ferreira, num bloqueio de polémicas conveniente tanto quanto o golo infame na semifinal da Luz para a taça da treta.
Entretanto, enquanto a vigarice leonina com Cardinal lá anda enredada nas malhas da Justiça e os acertos de conta na Judite, amanhã fará quatro meses desde o Benfica-Porto (2-3) que devia motivar um castigo exemplar ao treinador do Benfica mas a justiça desportiva cá da terrinha é o que é e parece que as palavras de Jesus caíram em saco roto. Não pretendiam prejudicar a carreira do árbitro-auxiliar que esteve com Proença no Europeu?
Não ocorreram vendas até final de Junho para compor as contas das SAD, Hulk e Moutinho ainda estão cá, Álvaro Pereira também e com mais hipóteses de ficar do que o homónimo ministro, vai ser um Julho arrastado, de poucas decisões, muitas hesitações e várias precipitações, porque o mercado não está fácil e a crise é indesmentível mesmo em ano de Europeu em grande.

Acredito que haverá vendas até fim de Agosto, mas este nunca foi o período, de solavancos, que me entusiasmou, nem para traçar cenários com os reforços ou alvitrar fracassos com as vendas. A curiosidade será ver, não tanto quem e o que se compra, mas quem e por quanto se venderá alguma pérola. Hulk valorizadíssimo na canarinha, Moutinho pelo Europeu, Álvaro porque sim, mas que dizer de Cardozo que valia 60 e há dois meses tentam despachá-lo por 15? E o Saviola em decadência? E os grandes da Europa com o Wolfs? O Patrício que se despedira de Alvalade em lágrimas num adeus cantado mas só em silêncio?
Pois, não me chatearei com isso. Fecho este espaço, muito procurado mas pouco respeitado no sentido de, sem ética, lhe atribuírem as citações merecidas que se espalharam por aí como se não tivessem foros de exclusividade. Veremos se inventarão novos termos e outras apreciações. Quando a bola rolar a valer por cá e lá fora poderei, um dia, quem sabe?, reabrir isto e comentar alguma coisa que não prevejo estimulante para o fazer. Nem o tri que espero ver consumado. Mas também não me devo consumir muito no caso, nem sequer com a mediocridade das avaliações, críticas e comentários que marcam o descrédito da Imprensa - um director há que fala disso constantemente e nem olha para dentro... - e é copiado pela blogosfera em geral de forma também desmotivadora para mim.

Até porque já há dias que se anunciava como os rapazes dos rivais vinham cheios de vontade de triunfar e na verdade vai ser mais do mesmo porque é mesmo assim:
Bom dia e boa sorte!
(acho que deixei a caixa de comentários aberta para não ter de moderar e poderem ver o lixo que segrego de há anos a esta parte)

32 comentários:

  1. Tenho pena mas compreendo que não deve ser fácil aguentar o tasco sozinho. Muitas vezes não concordo com o que escreve mas não deixo de passar cá quase diariamente.

    Espero que seja só um até já!

    Fernando Alves

    ResponderEliminar
  2. Caro Zé Luís,como já lhe disse uma vez ,este é já para mim e meus filhos um espaço de referencia,imagino o quão difícil é geri-lo .
    Desejo-lhe boas e merecidas férias .
    Desejava também que após as férias regressasse ,pois faz muita falta na blogosfera azul,mas caso não regresse seja qual for o motivo desde já o meu obrigado pela defesa intransigente que fez sempre do nosso Porto .
    Como FA disse que seja um ate já .

    maria da fonte

    ResponderEliminar
  3. Caro Zé Luis, boa tarde
    Também já lhe disse, num comentário (talvez único), a sua presença é demasaido rica perante o retorno que recebe (do lixo que segrega encaminhado para o destino justo) de quem o lê poderia influenciar esta decisão.
    Pelo menos quando à uns anos atrás me "entreti" com estas "postagens" acabei por desistir, não por esse fraco retorno, mas por não conseguir dar o meu contributo à altura da b«vontade e dos acontecimentos.
    É ezacatamente o que registo acerca de si. A sua acutilância numa publicação diária (bidiária , tridiária...etc) exige muito fôlego para quem escreve (Zé Luis) e exigiria muito mais para mim, se me dispusesse a acompanhá-lo.
    Nunca gostei ou me dei bem comigo mesmo, em simples comentários de meia bola...
    Por força de razões pessoais, não sou jogador para tempo inteiro, nem para uns minutos talvez.
    Acerca deste espaço, ganhei uma certeza: Fui (gostaria de voltar a ser) um entusiasmado Portista de BANCADA !!!
    Por isso, desejo saúde, bom descanso de férias, e espero reencontrar o estádio aberto em breve!
    Luis Correia (Coimbra)

    ResponderEliminar
  4. Caro Zé Luís,

    Assisto, tristemente a queda de um Blog do F.C.Porto. Eu tambem tive, tenho e vou tendo um. O MentalitaUltra.blogspot.com . Sei como é árdua e inglória a tarefa de gerir o Blog.
    No entanto, gostava de lhe apresentar um novo projecto. O Blog 90 Minutos (9x10.blogspot.com ). Trata-se de um espaço de confraternização, debate, e troca salutar de ideias, sem nunca descurar o espectro de "rivalidade intransigente". Caso queira continuar com o seu prazer pela escrita, e com o tema Futebol e F.C.P à cabeça, convido-o a conhecer este blog e a equipa.
    Não tenho o seu e-mail, se não indiciaria-o de imediato a equipa que gere o blog. No entanto, fica o convite, pode dizer que partiu de mim. Contacte-os pelo 90minutosblog@gmail.com .
    Um abraço e espero vê-lo por lá, consigo na luta pelo F.C.Porto!

    ResponderEliminar
  5. Zé Luis,

    É com pena que leio esta posta em jeito de despedida.
    O Portistas de Bancada tem sido, já há alguns anos, o primeiro blog que visito, diariamente.

    A confirmar-se a despedida, resta-me agradecer pelo quanto aprendi com a tua prosa, pelas forma diferente como me ensinaste a olhar para as coisas da bola e, especialmente, pelas pequenas historias que foste partilhando e que mostram um pouco dos bastidores e de como as coisas se passam fora das luzes da ribalta...

    Desculpa o tom informal, mas já te acompanho há tanto tempo que te tenho quase como um amigo que, diariamente, tem sempre algo para contar... :)

    Abraço e obrigado

    ResponderEliminar
  6. foi com pesar que acabei de ler este post, contra mim falo pela falta de participação, apesar da visita diária e religiosa que faço a este espaço.
    assim, e como sempre acontece, só valorizamos as coisas quando as perdemos.
    por estes anos de aprendizagem que me proporcionou o meu grande obrigado.
    e se não for pedir demais e tendo em conta o numero de comentários que hoje se juntam ao meu, zé luis não desista, boas férias e bom retiro.
    o afastamento é por vezes o melhor conselheiro.
    um grande bem haja.
    força porto e até um dia destes.

    ResponderEliminar
  7. Caro Zé Luís, espero que esta despedida se transforme, depois de umas retemperadoras férias, num até já.
    Cada vez há mais blogues, mas o 'Portistas de Bancada' e os teus textos fazem falta à blogosfera portista.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  8. tenho pena mas compreendo e sei que não tomas a decisão por irascibilidade pontual nem tão pouco por te chateares com A ou B. acredito que estejas cansado, já são uns anos sempre na crista, sempre a funcionar a centivintepercent como Uncle Bobby e sais agora como Guardiola, com a única diferença que não paraste de ganhar mas sem deixar a metáfora culé que tanto te/nos agrada. ofereci a minha ajuda de boa fé mas sem altruísmos bacocos, porque interessava-me e muito manter-te activo e interventivo e agradeço-te em nome de tantos por aí fora pela ostensiva, pública e incessante defesa dos nossos valores. cada qual tem o seu estilo e o teu agradava-me bastante. tenho pena que pares por aqui, mas ainda quero acreditar que teremos o Zé Luís de volta daqui a algum tempo. entretanto está descansado. a "tua" casa pode fechar mas sabes que a causa continua. e é por causa da causa que acredito que voltes.

    até lá, um excelente descanso junto dos teus. vai comentando lá no burgo quando quiseres.

    um abraço,
    Jorge
    Porta19

    ResponderEliminar
  9. Caro Zé Luís

    Onde é que o podemos encontrar? Na web ou no papel?

    Um abraço,
    Francisco

    ResponderEliminar
  10. Ze Luis,

    Sem acentos porque escrevo dos EUA, onde vivo, e uso um teclado local, tenho deixar o meu lamento pelo encerramento/suspensao desta tua casa, que visitei diariamente desde que a descobri. Discordo do que escreves com frequencia, mas concordo muito mais vezes e, acima de tudo, tens sido uma fonte preciosa de informacao e tens uma forma muito propria de ler as coisas, com frontalidade, argucia e acidez q.b. Espero que voltes, porque sao muitos mais os que te respeitam e admiram, do que os que insultam ou usurpam expressoes ou ideias tuas.

    Um abraco.

    Jose Lopes

    ResponderEliminar
  11. Caro Zé Luis,
    Com quem é que vou festejar a nossa vitória na Supertaça, aquela que foi a feijões, e que foi a primeira vitória que festejei, conscientemente da nossa equipa? Quem é que se vai recordar ao mais ínfimo pormenor dos detalhes de jogos de há um porradão de anos atrás? Quem é vai agora expor de forma crua e directa as verdades inconvenientes para tantos?
    Não pode ser! Enquanto houver Porto e bancadas, há-de haver sempre Portistas de Bancada.

    É tempo de férias e de umas banhocas retemperadoras.

    ...e até ao dia 10 de Agosto, que temos que preparar a Supertaça. Até breve.

    Alex F.
    Azul ao Sul

    ResponderEliminar
  12. Zé Luís, amigo desconhecido, companheiro da bluegosfera, não podes parar.

    Não te deixamos.
    Ajudaste tanto, à formação da boa consciência portista, que o teu desaparecimento seria muito doloroso.
    A actual força da contracultura portista, como tu bem sabes interpretar e desmascarar, é tão forte, que sem ti ficariamos mais 'isolados'.

    Escreves demasiado bem para parares.
    Explicas tão inteligentemente as diversas situações, que te tornaste indispensável. Basta lembrares-te do caso Apito Dourado. Fazes parte da actual cultura portista. Construiste um baluarte. És uma referência.

    A independência dos teus textos é um atestado de integridade intelectual. Lemo-los com imenso agrado, consultamos alguns para dúvidas, fazemos recomendações uns aos outros. Quando não concordamos, também lemos, para ver os melhores argumentos contrários.

    A blogosfera é isolamento, só há reconhecimento virtual. Apenas podes imaginar o agrado com que lemos as tuas explicações, ou a irritação dos outros ao perceber que a razão está connosco.

    Por isto tudo, não podes parar. Passa a escrever no reflexão portista, ou outro, ou ainda melhor, escreve apenas 1 vez por semana (claro que se perde o imediato, mas ainda podes pensar melhor nas coisas), mas a tua qualidade não se pode perder.

    Continua por favor,
    Forte Abraço de muitos Portistas.

    ResponderEliminar
  13. Aproveite para descansar uns tempos e depois volte.
    Faz falta na blogosfera.

    ResponderEliminar
  14. Boas Tardes: Seria fastidiosos repetir todos os argumentos que os companheiros blogers deixaram escrito nos comentarios anteriores! Eu só digo o seguinte: O meu caro Amigo está dispensado para ir gozar as suas férias de Verão e voltar com as baterias recarregadas!
    Não autorizo a sua retirada destas paragens! Portanto o meu Amigo já sabe: assim lá pelos inícios da nova temporada quero ver a escrita fluida e acutilante que os nossos "rivais" tanto "gostam"!
    Porque do lado deles é sempre a mesma cantiga! Com as nossas omissões é que eles deliram! Mas não, estamos e estaremos cá presentes, para lhes dar luta e da boa!
    Como se dizia no antigamente, a "Bem do Desporto"!
    Boas Férias!
    Jorge madureira

    ResponderEliminar
  15. Faz bem em fechar.Apos a saida de tantos e bons colaboaradores. O blogue foi perdendo interesse, e notava-se que estava a ficar "chocho",misturando "alhos com Bugalhos",sem tino e inteligencia.Faz bem em fechar ir-se em bora,e pelo que ia escrevendo nos ùltimo ano, o blog estava a converter-se politico-partidário,e como o tiro estava a sai-lhe pela culatra...Compreendo e descanse em paz.

    ResponderEliminar
  16. Concordo inteiramente com o leitor anterior.Com a saida de muitos convidados,o blog estava sem nexo,misturava futebol
    com politica-partidaria,e como este que para la
    foram ainda sao piores já nem gostava de atacar o Relvas,o Passos e o Gaspar.Devia cingir-se ao nosso clube, que também muitos telhados de vidro.Nomeadamente os elementos da SAD.Assim sendo,não tendo ideias sobre o nosso clube.é bom que descanse,por uns tempos..Blog que foi referencia no JN.Bons tempos.

    ResponderEliminar
  17. o luís era o maior. viva o psd.

    ResponderEliminar
  18. Há parlapiés de supostos senhores nos comentários, que parecem de fundamentalistas islâmicos, causas, seitas, entretenham-se com publicidade para alimentar as vossas causas.
    Este blogue foi qualquer coisa, perdeu o tino, estava ligado "à máquina" e foi definhando e enganando lentamente a morte.

    Rest in peace.


    Havia de ir à vida era toda a carneirada que se foi instalando pelos fóruns e blogues, os que foram instrumentalizados, mas assim ia quase tudo...à vida...

    Contra a carneirada, marchar, marchar.

    ResponderEliminar
  19. Além da auto-proclamada independência e da má-criação revelada para com quem não concordava com os seus posts, o Zé Luís sempre, ou quase, aproveitava para derivar para a política, atacando aí o "falecido" Sócrates como o lobo ataca a presa. Este dar de frosque "deve dever-se" a que o PSD/CDS lhe arranjou um tacho, pois nunca o vi (li) atacando a actual governação. É porque está bem. A mim não faz falta.

    ResponderEliminar
  20. e logo aparecem todos os anónimos que surgem sempre quando o pontapé na cabeça é fácil. meus caros, em bom vernáculo nortenho: ponham-se no caralho.
    ah, esta soube bem.

    ResponderEliminar
  21. É difícil resistir às tentações, é difícil ir contra o rebanho, a solidão é uma merda tal como a pobreza.

    Quem tem espinha e defende (não cegamente) as suas convicções não deseja ser pobre ou ficar sozinho. Mas arrisca muito a chegar a esse final.
    Basta ter noção do mundo em que se vive.

    Conseguir adormecer à noite, sentir a espinha recta, ter orgulho nos nossos princípios de vida..são tudo coisas que não há petróleo, ouro ou notas que o paguem ou substituam.


    Podes dar muita volta e muitas cambalhotas, se calhar no fim até podes ficar com alguma riqueza material, mas a partir do momento que quebras a espinha e perdes os valores morais...jamais os recuperarás.

    Aproveitando a deixa de um pobre de espírito chamado Jorge, vendido por pouco, ponham-se no caralho seus escroques de gente.

    ResponderEliminar
  22. É mais um que não deixa saudades.

    ResponderEliminar
  23. Sou Luiz Sousa

    Sou leitor diario deste blog e estou de acordo com os comentarios iniciais, quase todos identificados.
    Espero que as férias o façam repensar e volte a escrever, pois em cada assunto apresenta argumentos que são logicos e utilizaveis nas discussoes que todos temos com amigos do FCP ou de outros clubes.

    Um abraço e obrigado

    ~PS:O "anonimo" que critica de forma facil, que não se esconda e divulgue o seu nome

    ResponderEliminar
  24. Olá!

    Podemos fazer uma troca de links entre blogues por favor?

    O meu é: http://davidjosepereira.blogspot.pt/

    Muito Obrigado!

    Depois passem pelo meu a confirmar a troca,
    para eu também adicionar o vosso blogue aos meus links.

    ResponderEliminar
  25. "Este dar de frosque "deve dever-se" a que o PSD/CDS lhe arranjou um tacho, pois nunca o vi (li) atacando a actual governação. É porque está bem!
    Um anónimo deixou mais este exemplo do que fui deitando ao lixo desde há anos. Porque não aceitava anónimos, porque não aturava ler o que nada diz ou diz de quem não sabe ler. Business as usual. Mas também por isso deixei a caixa aberta para verterem o fel que quiserem e expor-vos ao ridículo.

    Já agora, não tenho tacho, não engraxo os sapatos a ninguém, nunca fui yes-man ou lambe-cus. Estarei porém disponível se este anónimo me arranjar um tacho. Dava-me jeito. Mas, como sempre, não aceito qualquer merda. Bem, não sou como o ministro dos corninhos, que recusava o tacho que só rendia 350 mil anuais. Essa corja deve ser do agrado do anónimo. O anónimo se me arranjar algo que valha 35 mil anuais pode ter a certeza será lido e apreciado por mim de outra forma :)
    Como a um grunho, como a um animal, devemos esfregar o focinho na merda que dizem e fazem, ler abaixo:

    "Temos um Governo que tem a mesma receita de austeridade como a antiga vacina da tropa dava para tudo. Temos uma Selecção que ganha perdendo. Um seleccionador que aplica a mesma receita em qualquer circunstância como um amanuense do funcionalismo público sob as ordens do Gaspar e do Álvaro. Temos quase uma Imprensa una e indivisível a proclamar as mesmas coisas, em nome de um ideal, talvez do velho fado" - tá aí em baixo, a 29 de Junho.

    ResponderEliminar
  26. arranjem um quarto os 2. Jorge e zé Luis, para não haver confusão!
    zezito, pobre de espírito, nunca ninguém te disse que não deves misturar futebol e política??
    pareces o triste do sou portista c orgulho, lá a fazer propaganda política à custa do nome do clube, pobres de espírito.

    enquanto não se rebentar com a merda destes partidos cancerígenos esta merda não vai ao sítio.

    ResponderEliminar
  27. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  28. Para não ser acusado de anónimo, deixo mesmo o nome.
    Fui um leitor assíduo com o projecto capitaneado pelo ZIRTAEV e que depois este foi enriquecendo com contributos inestimáveis de gente muito mais conhecedora de futebol que eu.
    A dada altura do percurso o timoneiro passou a ser o ZÉ LUÍS a quem, reconhecendo inegáveis méritos, também não posso deixar de apontar pequenos defeitos (todos os temos, bem sei) e um deles ficou bem expresso na sua última reação em forma de comentário aos anónimos: confundia quantas vezes a assertividade com a intolerâqncia de quem não comungava das suas ideias. E quando meteu a política nos portistas de bancada, estragou mesmo tudo. Se tiver memória deve recordar que lhe disse isto aqui das últimas vezes que comentei por cá.

    ResponderEliminar
  29. http://scoutfootstars.blogspot.pt/ analise de jogadores...

    ResponderEliminar