28 julho 2007

Boavista 0-3 FCPorto

Postiga 23', Tarik 78' e 88'

Equipa titular: Nuno, Fernando, João Paulo, Pedro Emanuel, Marek Cech, Castro, Luís Aguiar, Kazmierczak, Mariano Gonzalez, Tarik e Hélder Postiga
Entraram: Ventura 45', Leandro Lima 45', Lino 45', Jorginho 45', Edgar 45' e
Fucile 64'












Resultados da pré-época
FCPorto 6-3 Tourizense
SC Irene 0-10 FCPorto
FC Den Bosch 0-4 FCPorto
Genk 1-0 FCPorto
FCPorto 2-1 Monaco
Estrela Vermelha 0-1 FCPorto
Atalanta 0-1 FCPorto
Boavista 0-3 FCPorto

Lista de marcadores da pré-época (27 golos)
Postiga - 6
Adriano - 4
Lisandro - 4
Quaresma - 3
Tarik - 3
Edgar - 2
L. Aguiar - 2
Renteria - 2
B. Alves - 1
PS: Peço desculpas, mas não tive oportunidade de ver o jogo com a atenção necessária para poder escrever algo conciso sobre o mesmo. Assim, deixo essa tarefa para os excelentes comentadores que felizmente o Portistas de Bancada tem. De qualquer forma não posso deixar de destacar pelo pouco que vi o Mariano Gonzalez e o Leandro Lima que me pareceram, em alguns pormenores, grandes reforços. Mas, como disse, não vi o jogo com a atenção necessária para poder tirar grandes conclusões e posso estar a precipitar-me.

26 comentários:

  1. Os mais:

    - Tarik
    - Fernando
    - Mariano
    - Leandro Lima
    - Castro
    - Lino
    - Fucile

    Os menos:

    - Kazmierczak
    - João Paulo
    - Edgar

    O Leandro Lima é craque. Já o tinha dito após o primeiro jogo que o vi fazer. Hoje voltou a mostrar que consegue imprimir um ritmo de jogo elevado e desequilibrar através da sua técnica.

    ResponderEliminar
  2. Boas,

    Caro bandiduh, não concordo com os teus menos. Sinceramente, acho q hoje todos mereceram sinal mais.A exibição foi tão boa que ninguém deve ser criticado.Eu até acho que, dps desta exibição, ninguém deveria ser dispensado!:-)
    Mas falando a sério, só alguns destaques individuais:

    Mariano Gonzalez - p 1º jogo n está nada mal. Demonstra confiança e bom toque de bola. N te medo de partir p cima dos adversários e culminou uma boa apresentação com um excelente cruzamento p o golo do Postiga.

    Postiga - como dispensar o melhor marcador da pré-época? A dúvida persiste.

    Castro - mto boas impressões. Sem medo de pegar no jogo revelou bom sentido posicional. Mto interessante.

    Tarik - Sinceramente, acho q merece ficar no plantel. Mostra melhor adaptação ao nosso futebol e acho q pode vir a ser útil.

    Leandro Lima - É craque. Nem é preciso dizer mais nada. Deixa-nos de certeza com mta água na boca.

    Para além disto, apraz-me registar q a equipa vai claramente de menos a mais, e q os reforços vão melhorando o entrosamento entre si, melhorando o jogo colectivo. Ainda há mto trabalho pela frente mas a continuarem assim, isto promete...

    Abraço portista

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  4. Eu ainda há dias dizia que era bem capaz de não perceber nada disto. Venho aqui penitenciar-me publicamente, embora saiba que uma andorinha não faz a Primavera.
    Mas aquele Tarik que jogou hoje é o mesmo Tarik em que eu (e mais alguns, mais alguns) batia?
    Estou estupefacto.
    Globalmente apreciei a actuação da equipa, mas ficaram-me na retina as actuações menos conseguidas (quanto a mim) de Kaz, Luís Garcia e Edgar.
    E não sei se repararam, mas saímos do Bessa sem lesionados...

    ResponderEliminar
  5. Quintino : O Ricardo Silva ainda tentou mandar o Cech para o estaleiro...mas parece que o eslovaco aguentou bem.

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  7. Bom confesso que gostei de todos embora um ou outro estivesse menos acertado, mas a exibição foi tão feita de entreajuda que nem percebemos bem quem esteve melhor ou pior, Fernando mostrou saber fazer igualmente bem, qualquer um dos lugares ali pelo lado direito desde o de Central ao de médio defensivo...Cech esteve muito certo e desenvolto na esquerda e combinou muitíssimo bem com Lino, li aqui que João Paulo esteve mal, li bem? Mariano Gonzales mostrou qualidade para compensar o Quaresma ou fazer a esquerda enquanto o quaresma descai para a direita e o cruzamento para o toque excepcional do Postiga -grande e belo golo- foi terrível na eficácia e colocação. Leandro Lima faz-me lembrar alguém que conheço mas não recordo o nome, aquela forma de jogar não me sai da cabeça...Parece um ratinho...Rebentou várias vezes a defesa do Boavista e sem nenhuma dificuldade e o Jorginho? Para mim ficam todos! Grande plantel este ano...Dá para jogar de qualquer maneira.

    ResponderEliminar
  8. Quintino, o Kaz é útil para jogos assim durinhos e rasgadinhos, onde ele encostar o cabedal os outros rasgam! Fugi gaivotas vermelhas, que este ano estamos artilhados ao mais alto nível!

    ResponderEliminar
  9. Que injustiça, esqueci-me daquele que para mim foi o melhor de todos, o ex-júnior Castro! Foi uma surpresa completa...

    ResponderEliminar
  10. Porra, o J.Paulo jogou mal?

    Eu tava num restaurante, logo não vi muito bem o jogo mas sempre que a bola ia paraa a defesa tava o J.Paulo no sitio certo, isso ficou-me na retina assim como as corridas do Leandro.

    ResponderEliminar
  11. Vi a 2ª parte apenas, mas continuo a achar que devem ser despachados de alguma forma o postiga,o jorginho,e o Edgar. O Lucho julgo que acabará tb por sair.
    Tarik e Fernando merecem ficar no plantel.
    Faltam ainda, na minha opinião, mais um central, um ponta de lança goleador,um extremo esquerdo, e sobretudo um camisola 10 crack. Talvez com mais estes 4 elementos pudessemos ser imparáveis tb na liga dos campeões!
    Por último, confesso, que a confirmarem-se as contratações de Di Maria e sobretudo do F.Adu, pelos valores divulgados, sinto um certo desconforto e uma pequena inveja! Não desfazendo das nossas contratações este ano, que me pareceram muito equilibradas, julgo que o inimigo vermelho está a reforçar-se bem! Aliás permitam-me que sublinhe que por mais asco e revolta que o LFV e o clube galináceo me façam sentir, reconheço que parte da estratégia dele salvou o SLB e tirou o clube da falência e do degredo e colocou-o no caminho certo, nomeadamente no futebol.

    ResponderEliminar
  12. E o Lino apesar de esfor�ado e interessante a atacar, a defender faz-me lembrar o ezequias.Preferia que ele saisse tb.

    ResponderEliminar
  13. Votem no nosso grandioso clube:
    http://www.voteyourteam.com/Europe/Portugal/FC-Porto.aspx

    ResponderEliminar
  14. Não entendo como os adeptos portistas continuar a desvalorizar os jogadores da casa...
    Postiga é um caso sintomático,tudo bem que ele nunca foi regular,mas ja mostrou qualidades e todos sabemos que é um jogador mais evoluido que o Adriano,o problema do Postiga é a sua cabeça,ele tem as qualidades precisa é de um treinador que puxe por ele,com Mourinho viu-se o grande jogador que o Postiga pode ser...
    Acho estúpido falar-se em dispensar Postiga,um jogador da casa e contratar-se jogadores como o Edgar que nao saõ melhores que o Postiga...
    Qual a razão para dispensar o melhor marcador do Porto no ano passado e o melhor marcador da pre epoca?
    De saleitnar neste jogo para mim o Andre Castro,é meu vizinho crescemos juntos,jogamos mt á bola é um grande portista tal como o pai e alguem que sente o clube.
    Fico feliz por ver que está a ter sucesso,pena é que no Porto ja se sabe que os jovens da casa sao sempre queimados e nao os aproveitam...
    Espero que nao aconteça ao Andre o mesmo que aconteceu com o Gama,o Vierinha,o Barbosa e o Paulo Machado,uma geração campeã europeia e de grande qualidade toda desperdiçada.
    Gostei do Mariano Gonzalez,eu estava bastante crítico em relação a ele mas surpreendeu-me e pode ser util...
    Para finalzar tenho que concordar com um comentario anterior,deixa-me alguma inveja ver o Benfica com menos dinheiro q o Porto a contratar o Di Maria e o Adu duas grandes promessas do futebol mundial e o Porto so a contratar jogadores que nada acrescentam ao clube e que ja se sabe que serão mais renterias e tariks...
    Todos os anos traz-e contentores de jogadores da america do sul,hoje o Porto mais parece que vai jogar o torneio clausura e a libertadores da america do que o campeonato portugues e a champions...
    Está-se a perder identidade,faltam referencias e jogadores portugueses.
    Mais vale em vez de contratar 10 pa nao jogar e so pa dar comissões a certos elementos da sad,contratar apenas 2,3 jogadores mais caros mas de valia reconhecida e que podem efectivamente entrar no onze e ser verdadeiros reforços e nao jogadores apenas pa fazer numero...
    Para isso mais vale apostar nas nossas excelentes camadas jovens.

    ResponderEliminar
  15. «Morgado obriga PSP a suspender segurança a irmã de Carolina:

    O Corpo de Segurança Pessoal da PSP foi obrigado a suspender a segurança autorizada sobre a irmã de Carolina Salgado mediante uma indicação do Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) do Ministério Público (MP) de Lisboa, liderado por Maria José Morgado. O pedido de protecção de testemunha havia sido efectuado pelo DIAP do Porto, a pedido da própria Ana Maria Salgado, na sequência de declarações que prestou no processo por difamação em que era queixoso o médico portuense Fernando Póvoas.

    O requerimento oficial à PSP foi efectuado no dia 17 de Julho, fazendo referência ao temor de Ana Maria "elementos da Polícia Judiciária". Este receio estará ligado à parte do depoimento da irmã da ex-companheira de Pinto da Costa em que aquela lança suspeitas sobre o comportamento de um inspector daquela força policial. Foi assegurado por Ana Maria que Carolina Salgado terá sido instrumentalizada por esse investigador nos seus depoimentos, contra o presidente do F. C. Porto.

    O pedido foi aceite a 18, dia em que a Direcção Nacional da PSP mandou o Comando Metropolitano do Porto iniciar segurança pessoal e os contactos com a testemunha a proteger. No dia seguinte, no entanto, mediante informação do Comando do Porto e após conversa com Ana Maria Salgado, em que esta disse ter receio de elementos da PJ, a PSP suspende o início da segurança, para ser estudada a forma como deveria ser efectuada protecção de uma testemunha contra "alguém da Judiciária".

    Só que, no dia 25, interveio o DIAP de Lisboa através de uma "avaliação" negativa para tal pedido, o que levou o o director-nacional adjunto da PSP , Herlander Chumbinho, a manter suspenso o início do serviço de segurança pessoal até nova ordem.

    Chumbinho explicou este recuo com o argumento de que o procurador-geral da República, Pinto Monteiro, atribuíra a investigação do processo Apito Dourado àquele departamento e, por esse motivo, era obrigado a atender à avaliação do DIAP de Lisboa.

    Esta justificação baseia-se, porém, num lapso os processos relativos ao Apito Dourado foram atribuídos à designada "Equipa de Coordenação do processo Apito Dourado" e não ao DIAP de Lisboa, embora ambas as estruturas sejam lideradas por Maria José Morgado. Neste contexto, foi esta mesma procuradora que requereu segurança para Carolina Salgado, face a ameaças que diz ter recebido há cerca de três semanas.

    Face ao parecer negativo do DIAP de Lisboa - que terá provocado mal-estar no departamento congénere no Porto -, Herlander Chumbinho pediu informações adicionais a Almeida Pereira, procurador da República do DIAP do Porto que subscreveu o pedido de Ana Maria. Este magistrado ainda não terá respondido.»

    Tá-se mesmo a ver o teor da conversa da treta:
    -Ó Maria, a Ana mandou uns bitaites do camano e agora pede protecção Policial, diz que tem muito medo de mim!
    Ai a filha da grande Bipolar!
    -Que podemos fazer?
    É fácil, se ela confessa ter receio de ti, vamos negar-lhe a protecção -sou eu que decido- isso vai acentuar-lhe o cagaço, pode ser que ela recue e acabe por vir parar às nossa mãos!
    -Bem pensado Maria, também tu pareces ser de Olhão carago, carago não, camano!
    A Juiz decidiu, está decidido!
    -Boa Maria -diz uma voz meia enrouquecida- tu és levada da breca!
    -Cala-te fiscalista de um raio, vira-te mas é para lá, que estou a falar com o meu querido Bugalho!
    Tá bem, tá bem -tu é que mandas-já não está cá quem falou!

    ResponderEliminar
  16. Gostei globalmente da equipa no jogo de ontem.
    Referências Positivas:
    Mariano, excelente qualidade, dará consistência nas alas, Fernando, deverá ser emprestado mas actuou muito bem, pelo menos com um ano de rodagem pode vir a ser um caso sério - a propósito, não o oderiam emprestar a um clube melhor que o Setubal?? - Leandro Lima deu uma demonstração de alta rotação e qualidade, Lino parece-me util para ser utilizado ao longo a época, saudaç~es ao jovem Castro.
    Tarique um espanto, a jogar sempre asim, não deverá sair...
    Menos bem, Kaz e Edgar.
    Ah, João Paulo bem e ... Pedro Emanuel a dizer que está bem e recomenda-se, sempre a falar e a dar instruções, um grande capitão.

    ResponderEliminar
  17. Notas soltas:

    Fernando - claramente médio-defensivo, nunca defesa direito. Algo trapalhão com a bola. Precisa de ganhar maturidade, rodando e jogando noutro clube.

    Castro -jogo de grande sacrifício físico, mostrou nervosismo (compreensível) com excessivos passes recuados, mas para mim é o menos bom dos ex-juniores .

    Lino - é médio esquerdo e não defesa.

    Leandro - toque de bola formidável, boa definição, cresce quando leva o jogo do meio para a frente. Nos sub-20 jogava muito perto dos avançados e com isso tinha pouca bola.

    Edgar - gostava de ver o verdadeiro, a jogar com Quaresma e Lisandro ou Mariano.

    Aguiar - parece que vai ser o de mais díficil adaptação ao estilo de jogo. Bom jogador.

    Com lucho, Leandro, Mariano e Aguiar, o Jorginho deve estar com os dias contados. Para o ano há Europeu e manter o Postiga pode ser mais rentáavel, a não ser que já esteja escolhido o seu substituto.

    Tarik pode ser a 4ª solução para as alas. O Castro devia ser emprestado, e o Rui Pedro se for para não jogar, também.

    Queria ver na Holanda, sem o Lucho, Bolatti, Assunção e Leandro no miolo.

    ResponderEliminar
  18. Gostei muito de ver ontem o Porto a jogar, apenas fiquei um pouco desiludido com o Edgar... Ainda não vi jogar o Farias mas, com o Adriano o Postiga e o Lisandro duvido que o Edgar tenha oportunidades de jogar esta época.

    ResponderEliminar
  19. «As iniciativas da equipa de Morgado para defender Carolina Salgado já se tinham manifestado de outro modo. Segundo descobriu o SOL, todos os processos por difamação contra a antiga companheira de Pinto da Costa que correm no DIAP do Porto – por causa daquilo que revela no Eu, Carolina – contêm uma cópia enviada por Morgado do depoimento prestado por Carolina Salgado na PJ.

    O ofício da magistrada justifica este envio «atendendo a que a testemunha Carolina Salgado se apresentou espontaneamente na PJ para prestar declarações, denunciando factos susceptíveis de integrarem a prática de ilícitos criminais e que tal ocorreu antes da publicação do [seu] livro».

    Uma fonte do DIAP do Porto, contactada pelo SOL, diz que, quando se remete uma certidão para um processo que nada tem a ver com o que está a ser nele investigado, isso pode ser considerado «uma forma de intimidação»

    Tão a perceber não tão?...
    -Ai o Pintinho está a tentar Processar a Carolina e no Porto? Eu remeto uma certidão daqui -de Lisboa- para que esse senhor tenha o tratamento devido a um leviano que foi denunciado por esta linda criatura, não és Carolininha? Que lindos peitos tu tens minha filha!...Como foi que te deixas-te apalpar por aquele homem cheio de pêlos nas orelhas e com unhas grandes nos pés? Desvios Unipolares não "éum"?

    ResponderEliminar
  20. Gostava de a ver a julgar o "bando dos quatro" em Pequim nos anos oitenta....

    ResponderEliminar
  21. Eu vi o jogo e do que já vi nesta pré -época, penso o seguinte quando a dispensas e eventuais saídas do plantel por venda:

    É engraçado ver que alguns portistas queriam que todos os jogadores ficassem, mas o limite imposto pela Liga são mesmo 27 jogadores. Jesualdo já disse que quer 3 guarda-redes, dois juniores de campo e mais 21, por isso, vamos a contas.

    GR: Hélton, Nuno e Ventura (isto é fácil)

    Na defesa:

    O 4 centrais estão escolhidos: Stepanov (ainda vamos ver o que vale) P. Emanuel (está de volta ao que vale, será um grande capitão, mas sabemos que não está entre os melhores do mundo, como Pepe ou R. Carvalho), Bruno Alves (ainda muito temperamental, mas cada vez melhor) e João Paulo (é um defesa central regular, mas tem falhas que provocam quase ataques cardíacos, e isso viu-se contra o Boavista, para além disso, é um bocado trapalhão, tem pouco estilo).

    É urgente que o Porto trabalhe os centrais jovens que tem para renderem a curto prazo João Paulo e P. Emanuel.

    Nas laterais, julgo que vou causar alguma polémica.

    Na direita Bosingwa é indiscutível e Fucile parece render mais na esquerda. Sendo assim, não faz sentido ter 3 opções para a esquerda (+ Marek e Lino), pelo que, por mim, o Lino poderia ser dispensado (veio a custo zero e não tem interesses de investimento por trás) e o Fernando ficava como opção para lateral direito e mesmo quinto central. O argumento de que Lino marca bem livres para mim não conta, porque para os marcar, tem de estar a jogar.
    Depois parece que Lino é afinal melhor a atacar do que a defender e, para atacar, há mais soluções para a ala esquerda.

    No meio campo é a confusão (as boas dores de cabeça de Jesual) Podemos jogar com 8 no meio campo? 8-)

    Luís Aguiar não está tão adaptado como os demais reforços e, por mim, poderia ir rodar para o Leiria ou Boavista. Mas como veio emprestado por um ano com direito de opção de compra, é necessário que fique a trabalhar com o Jesualdo para o poder avaliar a sério.
    E isso empurra Jorginho, um valor firmado que não tem mais margem de progressão e que conhece bem e é bem conhecido no futebol português, para um empréstimo a um clube português. Se Luís Aguiar falhar, Jorginho volta para o ano.

    Convenhamos que Jorginho só terá algum espaço se Lucho sair, o que ainda pode acontecer e é, talvez, o mais provável que aconteça.

    Bolatti, como já se viu, não parece ser opção para os terrenos que Lucho pisa. É um 6 clássico. Como Assunção. Estes 2 estão seguros no plantel, ou joga um ou o outro.

    Meireles já pode pisar os terrenos de Lucho e esses sabemos que fica, mas, de momento parece também dividir o lugar mais à esquerda com Kaz. Kaz ainda desilude um pouco. Vamos ter paciência.

    Castro é um grande jogador com um enorme futuro. Não fica atrás de Miguel Veloso.

    E estes são os 3 do miolo. Daqui para a frente a confusão é maior.

    Na extrema direita, Tarik jogou muito bem este último jogo, mas deverá sair. Com Quaresma a "tapar" a ala esquerda, Mariano Gonzalez e Lisandro só têm, à partida, espaço para serem titulares à direita. Será aí também que poderá caber Leandro Lima. E como deixar Mariano e Leandro no banco??? Que luxo!!!

    Assim, Tarik está a mais. Mas gostava que ficasse em Portugal. Guimarães?

    No lugar de ponta de lança, haverá lugar para 4 ou 5.

    Tecla e Adriano são certos.

    Aceitará Postiga, que já tem currículo e que quer manter-se na Selecção, ser 3ª ou 4ª escolha? Julgo que não. Postiga é um grande portista e de quem eu muito gosto, mas é o treinador quem manda e o melhor para o Hélder é ser titular noutro clube.

    Edgar está-me a desiludir imenso, mas é uma negociata e o grupo económico que detém o seu passe não vai aceitar que este seja dispensado e vá parar novamente a um "Beira-Mar", com o devido respeito pelos clubes mais pequenos. Por isso, Edgar tem um lugar assegurado no banco do FCP e nem terá grandes razões para se queixar ou ficar importunado por não ser titular. É o n.º 4 da posição. É muito novo ainda. Já Postiga, julgo que deve ficar importunado.

    O n.º 5 é actualmente ocupado por Rui Pedro que é um dos juniores que Jesualdo quer no plantel.

    Postiga deve sair pelas razões já referidas e que são em defesa do grande jogador que é. Adriano tem muito golos "under the belt" para não ser opção deste FCP, e Tecla ainda terá de mostrar que vale o que se pagou.

    Saindo Postiga, haverá espaço para outro jovem valor que não tenha absoluta necessidade de ser titular.

    Ou então, poderá dar-se a surpresa de Postiga sair e ficar Tarik ou Jorginho, caso Jesualdo assim o entenda.

    É esta a minha visão do panorama actual.

    ResponderEliminar
  22. Sinceramente,não me pareceu ter sido um bom jogo de Futebol,em especial na 1ª parte,na qual tirando a jogada do golo(excelente cruzamento do Mariano),nada mais tem para contar.
    Entendo que o Luis Aguiar joga bem com os dois pés, mas parece-me lento e para já é uma semi-desilusão.
    O kaz tem estado algo preso, talvez por causa dos treinos puxados nesta fase, daí a razão para a má primeira parte.
    Na 2ªparte deu para ver o menino Leandro Lima em GRANDE e APENAS após meia duzia de treinos com os colegas que não conhecia, mostrou o que sabe-titular de caras!
    Pela positiva o Tarik, o Lino (definitivamente tera de jogar como medio-estremo esquerdo e nunca a defesa,pois não tem velocidade)e o Castro que para mim não é surpresa,pois nos juniores destacou-se muito dos colegas e só prova que temos craques na cantera.
    Continuo a achar que o H.Postiga pode ser vendido, pois tirando o golo nada fez como de costume.
    Devemos apostar no Edgar, que tem uma margem de progressão enorme e poderá ser util naqueles jogos contra onze defesas-tem o estilo do Jardel e deve jogar no centro da area e não a procurar as bolas nas alas.
    Na minha opinião vendiamos o Postiga e emprestava o Rui Pedro e o Fernando que tambem me parece ser bom jogador e com uma margem de progressão enorme.
    O plantel esta mais forte e mais equilibrado..vamos esperar mais uns jogos para analisar melhor.
    Espero que no proximo jogo, a equipa titulars esteja mais definida, para começar a haver melhor entrosamento.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  23. fiquei bastante agradado com a crescente boa forma da nossa equipa..
    mais ainda adorei ver em acção o puto maravilha Leandro lima (precisávamos msm de alguém que desse dinâmica ao nosso jogo) e do extremo Mariano, acho que vão ser dois titulares importantíssimos da nossa equipa!!
    falta ver agr o stepanov e farias!!

    FORÇA PORTO!!

    ResponderEliminar
  24. «"A mulher triste"

    Segunda-feira, Julho 30, 2007

    Maria José Morgado deu uma entrevista ao EXPRESSO na qual se confessa. É um depoimento pessoal, de uma mulher profundamente triste que afirma nunca se ter interessado pela vida porque sempre se interessou pela utopia. É um retrato de alguém que se consagrou a essa abstracção chamada partido.

    Nasceu em África, Angola, mas «a minha infância não tem nenhuma importância objectiva». Se tivesse nascido em Lisboa era igual. «A terra encarnada ou os pôres-do-sol de fogo são memórias fúteis, muito boas para romances e notavelmente aproveitadas pelo Lobo Antunes». Mas «tudo isso é dispensável, não me traz saudades». «As recordações tristes para mim são boas porque são as mais intensas». «Em Luanda havia bailes, ia-se à praia, nada disso me agradava».

    A relação com o MRPP, para onde recrutou Durão Barroso, é definida como uma relação exclusiva, que considera o amor uma «fraqueza», onde o romantismo «era contra a moral proletária», o sentimento pelo marido (outro militante) como «fazendo parte da militância e não como uma paixão tradicional» e os sentimentos como «coisas que se constroem». O amor era um desvio pequeno-burguês. O corpo era «uma fraqueza» e tinha de ser abandonado. Lia-se obrigatoriamente Marx, Lenine, Estaline, Mao Tsé-Tung e Engels. «Aquilo tinha uma mística!».

    Ela era conhecida por Mizé Tung, sempre pronta para a pancada. A coragem era uma consequência do sentido de missão, «uma obrigação», e não são admitidas vacilações. Só falavam «dos assuntos da revolução e do partido». O quotidiano da relação com o actual marido era sem tempo e por isso ficavam na mesma casa sendo era raro encontrarem-se. Porque «tínhamos ambos tarefas a cumprir».

    Quando ela rompeu com o partido, por causa do marido, Saldanha Sanches, ter rompido, diz: «o mundo abateu-se sobre mim». «O partido era a única razão de ser da minha existência. Não tinha outros interesses nem outros valores. Tive de renascer depois disso». Atirou-se ao jogging «para não enlouquecer». Agora também pratica natação, que ela acha «hedonista». Antes disso, a dedicação ao partido deu-lhe, confessa, os anos mais felizes da vida dela.

    Tendo eu tido 20 anos como Maria José Morgado, e não dizendo como ela que foi a mais bela idade da minha vida, pasmo ao ler estas palavras desta mulher. Nenhum pensamento me repele mais do que este, esta negação da vida e da beleza, esta negação do pensamento e da inteligência, esta negação da sensibilidade e da arte. Esta negação da vida e da falha humana. Isto, para mim, é a apologia do fascismo intelectual, do kitsch histórico. A matriz do Gulag, de Auschwitz e dos campos de Pol Pot.

    Pessoas como Maria José Morgado faziam-me, naquela altura, muita impressão e muita pena. E continuam a fazer, apesar de ela dizer que mudou. Há outra coisa que estas pessoas me fazem: medo. Muito medo. Ainda bem que a revolução deles não venceu.

    A propósito, eu não acredito que as pessoas mudem assim tanto.
    Diário Digital Clara Ferreira Alves 08-12-2003 11:41:15»



    -Sinceramente, muito siceramente, a mim essas pessoas não me metem medo mas muita tristeza, porque também eu passei por esses momentos e sentia que esses homens ou mulheres encaravam-se como sendo autênticos militantes cristãos do século XX e isso estarrecia-me...A ideia de não poder amar, ser feliz e provavelmente matar ou morrer por uma causa que se veio a provar estar decisivamente errada porque os homens são mesquinhos e terrivelmente egoístas é tremenda...Como pode alguém dizer que a infância é uma questão secundária, se ela cria em nós a noção de ser algo ou alguém e origina os sonhos porque partimos ao encontro da vida? Que as tristezas que nos atingem mais ou menos profundamente são momentos extremamente marcantes não duvido, mas para não enlouquecer com a amargura desses momentos, exactamente para não correr o risco de enlouquecer é que temos que ter em nós uma reserva de afectos que nos equilibre e faça ter esperança no futuro! Essa reserva de afectos é-nos dada na infância por quem nos educa e mora perto de nós, por quem verdadeiramente nos ama ou amou...Isso é que é verdadeiramente marcante ainda que não saibamos. A morte é algo de irremediável e é para mim a maior tragédia de todo o ser vivo, seja ele pessoa querida ou não, seja ele um animal, nada mais me faz pensar na inutilidade da vida do que olhar um corpo sem vida e aquele olhar inexpressivo que procura o infinito que não existe senão dentro de nós, nada vale o preço de uma vida, nada absolutamente nada, nem mesmo a nossa felicidade! Se há algo que me faz continuar sempre dia após dia a caminhar e a sorrir ainda que timidamente é continuar a acreditar na possibilidade de realizar "o amor" -essa suprema possibilidade humana- e quando dentro de mim essa possibilidade não se colocar mais eu estarei certamente muito perto da morte, pelo menos como um ser humano autêntico! Por isso falo em tristeza e não medo porque eu vejo por vezes passarem por mim verdadeiros exércitos de cadáveres, exércitos de gente sem e com rosto que não tiveram a mínima hipótese de serem felizes alguma vez na sua vida e se consagraram à esperança de uma vida no além que eu não conheço nem quero conhecer...Quero viver e ser feliz nesta vida sempre e é de tristeza o sentimento que expresso para com todos aqueles que não puderam viver as suas vidas em plenitude! Muitas vezes tento esquecer esses seres que me cercam em todos os momentos em que eu reflicta seriamente sobre a vida e sobre aqueles que já me acompanharam alguma vez, ainda que de raspão, ainda que num breve e acidental momento...Sei que um dia farei parte dessa legião interminável, mas até lá até esse dia funesto, quero viver e amar sempre que possa tranquilamente!

    ResponderEliminar