24 junho 2012

Só muda para pior o S. João, a Inglaterra nos penáltis não!

Nada muda na Inglaterra para os penáltis, apesar do riunfo na Champions por essa via, imerecido. Sempre eliminada (excepto com a Espanha, em 1996, nos 1/4 final), agora com a Itália que fez mais e segue para defrontar a Alemanha. Um clássico seria sempre, com um ou outro. E os favoritos para a final dita de Platini são sempre os mesmos. Nos ingleses falharam os Ashley, Young e Cole, é impressionante mas normalmente falha um avançado e um defesa, e normalmente são um par de perdulários, do lado da Inglaterra. Com Hodgson, ficou tão cínica como era atribuído à Itália, enquanto esta privilegia a posse e mantém intensidade, ao contrário do abaixamento progressivo antinatural nas equipas inglesas. Também aqui mudam para pior.
O que vai mudando para pior, pareceu-me, é o S. João. Já não perco muito tempo com a festa do Porto que, também de há muito, deixou de associar-se aos êxitos do FC Porto. Agora já começam em Abril, nunca chegam a Junho como há 30 anos.
Pois creio que esta noite vi menos 30 vezes pessoas do que noutros tempos já longínquos. Ruas inteiras despidas de barracas e tendinhas, bancas e coisinhas quando dantes era de um lado e doutro enchendo os passeios. Andei pelas ruas há uns três ou quatro anos, fui até ver o fogo à Ribeira (creio que pela minha primeira vez) e já notava menos gente do que décadas antes. Agora, muito menos ainda do que da última vez. Já não ligam muito, é como os êxitos no futebol. Hábitos e outros interesses das pessoas. Quanto ao fogo de artifício, até aí me pareceu mais "fraquinho", creio que da outra vez pareceu-me melhor, mas deve ser da crise ou o Rio está a guardar a festa de arromba para o ano da despedida. So se for por aí que se dê conta dele...
Os ingleses é que não estranham. Quando ganharem após o jogo jogado devem ser campeões de certeza em qualquer coisa.

Sem comentários:

Publicar um comentário