20 janeiro 2010

Ao intervalo, tudo bem, mas... o costume


Está 1-1 ao intervalo, no Belenenses-Porto. Olegário esteve muito bem, mostrou todos os cartões amarelos justificados plenamente pelos lances em causa.

Bem, parece tudo bem? Não. O costume, aliás. Rodriguez sofre falta de um pé em riste de Devic. Na grande área. Já o famigerado Elmano negou um lance idêntico ao argentino no Porto-Leiria.

Quando joga o FC Porto, as Leis do Jogo são sempre diferentes. Devic fez falta: so podia ser penálti, numa interpretação excessiva do árbitro. Ou no mínimo livre indirecto, por pé em riste. E, assim, dava amarelo. Seria o segundo amarelo para Devic, que antes viu um por impedir Beto de jogar a bola. Era amarelo. Foi a única falha do árbitro nos 45'.

Mas isto acontece sempre só com os árbitros?

Não, os gajos da TVI voltaram a engasgar-se. Como é costume nos da SportTV, nos da SIC, nos da RTP. No mínimo há um livre indirecto, há um amarelo e um jogador do Belenenses até seria expulso.

Mas nos jogos do FC Porto não se aplicam as Leis do Jogo. E mais uma vez uma expulsão fica por fazer-se nos adversários. Depois, andam uns tipos a reclamar faltas, amarelos e vermelhos a qualquer jogador do Porto.

Os da TVI, comeram e calaram. Nem falta, nem livre indirecto, muito menos penálti. Muito menos um amarelo. Aliás, depois já pediam um amarelo a Raul Meireles por uma falta a meio do campo. Sim, mais um amarelo para um portista, por uma falta a meio do campo.

É assim. Sempre. Desta vez tem passado totalmente das marcas da falta de seriedade.

E há adeptos portistas que acham que a equipa tem de jogar mais, tem de superar este conformismo dos árbitros em negarem ao FC Porto a aplicação das Leis do Jogo que são seguidas de forma muito estrita em jogos do Benfica quando toca a punir adversários.

Dizem que é o habitual. O costume. Mesmo dos jornalistas. Mas estes não ganham nem perdem jogos. Os árbitros têm de cumprir o dever de imparcialidade. Ficou uma falta por marcar, um amarelo por mostrar e até ditava uma expulsão. Mas no FC Porto, quando joga, as Leis do Jogo têm sempre uma alínea exclusiva. E há adeptos do FC Porto que acham isto normal. E que o FC Porto tem de jogar mais. É o costume, dizem...

Eu noto. Ao intervalo.

4 comentários:

  1. Pois é meu amigo!O Sr até terá razão,o que é facto é que a jogar como estamos a fazer o mais certo é os mancos de belém mais os comentadores da tvi no fim do jogo estarem muito felizes!

    ResponderEliminar
  2. O 2º golo do Belenenses é relatado de uma forma quase pornográfica.


    Isenção do caraças! Não enganam ninguém.

    Eu sei quem são e o que pensam ao "balcão".


    comentário aos 92min

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  4. Parece-me que nesta casa todos ralham e...todos têm razão!

    Uma coisa não implica o afastamento da outra.

    É verdade o que aqui se diz e o que se tem dito sobre o FCP, os árbitros e a Com. Social.

    Mas tambem é verdade que o FCP, mais uma vez e, na minha opinião, fez um jogo pobre, muito pobre.

    Quase miserável.

    ResponderEliminar